quarta-feira, 16 de maio de 2012

Professoras e duas anáguas


Quem pensa que dar aulas hoje em dia não é das tarefas mais fáceis, realmente não imagina como eram as coisas no início do século passado.

Como lecionar acabou sendo uma atividade para mulheres, os responsáveis pelo Conselho de Educação norte-americano, duvidando da capacidade delas para essa função, instituíram algumas regras.

Abaixo, texto pra lá de interessante baseado em um contrato que era recorrente nos Estados Unidos.


Este é um acordo entre a senhorita Mary Williams e o Conselho de Educação e da Escola, por meio do qual ela aceita ministrar aulas por um período de oito meses a partir de 1º de setembro de 1923.

A senhorita aceita:

1.       Não se casar. Este contrato será automaticamente anulado e inválido se a professora se casar.

2.       Não andar na companhia de homens.

3.       Ficar em casa desde as oito da tarde até as seis da manhã, a menos que seja para cumprir uma atividade escolar.

4.       Não passear pelas sorveterias do centro da cidade.

5.       Não sair da cidade de jeito nenhum sem a permissão do presidente do Conselho de Delegados.

6.       Não fumar cigarros. Este contrato será automaticamente anulado se a professora for vista fumando.

7.       Não beber cerveja nem vinho nem uísque. Este contrato será automaticamente anulado se a professora for vista bebendo.

8.       Não viajar em nenhum carro com qualquer homem, exceto seu irmão ou seu pai.

9.       Não vestir roupas de cores extravagantes.

10.   Não tingir o cabelo.

11.   Usar, pelo menos, duas anáguas.

12.   Não usar vestidos que fiquem mais de cinco centímetros acima do tornozelo.

13.   Manter a sala de aula limpa:

a)      Varrer o chão da sala de aula pelo menos uma vez por dia.

b)      Esfregar o chão da sala de aula ao menos uma vez por semana com água quente e sabão.

c)       Acender a lareira às sete da manhã, de modo que, às oito, quando chegarem os alunos, a sala já esteja aquecida.

d)      Limpar a lousa ao menos uma vez por dia.

14.   Não usar pó facial, não se maquiar nem pintar os lábios.


É, como bem diz o aforismo: todo mundo é feliz por comparação.

Cumps.

Foto: reprodução de A Mãe de Whistler, recriada pelo fotógrafo Peter Lippman - Google

Um comentário:

Raquel Castro disse...

Não poder ir às sorverterias é sacanagem!!! ahuahuahua! Tudo menos isso!!! xD

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...